arrow_back

Resultado da busca por: "deselegante"

Polícia vai instalar UPP em condomínio de Bolsonaro

MATANDAS DA BARRA – A Polícia Federal, a PM, a Interpol, a CIA, o FBI e a Scotland Yard anunciaram a instalação de uma UPP no Condomínio Vivendas da Barra, onde têm casa o presidente Jair Bolsonaro e uma série de pessoas acusadas de participar do assassinato da vereadora Marielle Franco.


A UPP foi pensada de forma a dar alguma segurança para que os demais moradores do conjunto, no Rio de Janeiro, tenham coragem de sair de casa para comprar um pão na padaria. A medida foi comemorada pela comunidade que enfrenta diversos problemas, como a falta de um síndico há mais de oito anos, já que ninguém se voluntaria ao cargo, considerado pela ONU como de extrema periculosidade. Um levantamento recente, feito por um instituto de segurança, mostrou que é mais arriscado morar no Vivendas da Barra do que na Síria, na Coréia do Norte ou numa floresta protegida pelo ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles.


A PF também avisou que pretende fazer um pente-fino nos perfis de todos os homens que já tiraram foto ao lado de Bolsonaro. “Primeiro teve o Fabrício Queiroz, do caso dos laranjas, depois o Élcio Queiroz, que dirigiu o carro no caso Marielle, e agora esse lutador, o Djaca, que é suspeito de ter jogado as armas no mar”, explicou um ministro da Justiça que não quis se identificar por medo de represálias. “Acreditamos que com esse levantamento, poderemos mapear todos os integrantes das milícias do Rio e, quem sabe, da Camorra e da Yakuza.”


O governador do Rio, Wilson Witzel, também se manifestou: “Nós pensamos em mudar o nome do projeto de UPP para UMP, que seria Unidade de Milícia Pacificadora, mas a milícia que a gente ia contratar desistiu por achar o lugar muito perigoso. Além do quê, ia ficar milícia contra milícia, que seria uma coisa deselegante.”


O post Polícia vai instalar UPP em condomínio de Bolsonaro apareceu primeiro em revista piauí.

Mundo fashion: Vogue contrata Ricardo Noblat como setorista de primeiras-damas

XTWITTER – Reviravolta no vaivém do movimentado mundo jornalístico. Num lance inesperado, a revista Vogue anunciou a contratação do it-blogger Ricardo Noblat, que passará a assinar uma coluna diária sobre as difíceis decisões estéticas envolvendo as primeiras-damas mundo afora. A contratação foi fechada depois que Noblat publicou um post, ontem, elogiando a formosura de Marcela Temer e de sua sucessora, Michelle Bolsonaro.


“Foi uma escolha natural”, explicou a diretora da Vogue americana, a lendária Anna Wintour, de quem partiu o projeto de contratação de Noblat. “Vestir-se é um ato político. Usar preto é um ato político. Usar vermelho, ainda que démodé, é um ato político. Então nada melhor do que um ex-especialista em política para falar sobre os modelitos retrô das eras Temer e Bolsonaro. E, como bem disse o Noblat, pode até ser retrô, mas não é retrocesso.” Além de escrever sobre Marcela e Michelle, Noblat também deve tecer comentários estéticos sobre a primeira dama americana, Melania Trump. “Ele disse que topa, com a condição de nunca ter que escrever sobre a Stormy Daniels, que ele considera uma moça muito deselegante.”


No mercado da vergonha alheia, a notícia caiu como uma bomba. “O que o Noblat já fazia em sua coluna era uma movimentação sofisticada chamada de ‘terceirização da vergonha’, em que o leitor esquecia dos seus próprios constrangimentos para abraçar os do colunista”, explicou um acionista que não quis ser identificado. “Isso ficava claro quando elogiava a elegância de Michel Temer, a beleza de Marcela ou, agora, a formosura de Michelle Bolsonaro. Esse movimento deve se intensificar.”


Por meio de sua assessoria, Noblat comentou: “Onde houver uma primeira-dama, lá estará o colunista, apontando seu olhar irreverente e tecendo comentários impertinentes. Agradável é suco de maracujá, Ricardo Noblat veio ao mundo para chocar. Aguardem.”


O post Mundo fashion: Vogue contrata Ricardo Noblat como setorista de primeiras-damas apareceu primeiro em revista piauí.

Mostrar o dedo do meio ao vivo na Globo é muito feio


Com vocês, a sequência tão esperada de “Que deselegante”.

Mais uma vez ao vivo.

Mais uma vez na Globo.


O brasileiro ainda meio sem paciência.




O post Mostrar o dedo do meio ao vivo na Globo é muito feio apareceu primeiro em Não Salvo.

MAIS POSTS

Compartilhar

Escolha uma rede para compartilhar

Marcadores